Patrimônio cultural

O conceito de patrimônio imaterial refere-se aos saberes e heranças coletivas que um determinado grupo compartilha e deseja preservar, salvaguardar, proteger e difundir.  Esses bens, baseados em um determinado sistema de linguagem e expressão, são transmitidos por via da oralidade, da vivência, ou da escrita, de forma a se manter vivo, transformando-se através das gerações.

 

Apesar de seu caráter mutável, os bens imateriais têm uma característica forte, que lhes é inerente : seu papel na identidade e na coesão de um determinado grupo. Através dessas celebrações, ofícios, lugares, formas de expressão e saberes, um laço invisível se forma, entrelaçando indivíduos, fortalecendo relações, rememorando histórias.

 

Levando em conta a especificidade dos bens imateriais, sua dinamicidade e sua riqueza dentro da capital paraibana, assim como o fato de que determinados bens  necessitam de ações diretas para sua continuidade, o Coletivo Jaraguá, com financiamento do Fundo Municipal de Cultura (FMC), está construindo um espaço de pesquisa, discussão, divulgação e formação que visa à salvaguarda desse patrimônio tão singular, a partir da formação de Jovens Agentes Culturais, moradores de bairros tradicionais da cidade: o Museu do Patrimônio Vivo de João Pessoa.